Início Atualidade Aumento de salário na Biedronka abrange mais de 65 mil trabalhadores

Aumento de salário na Biedronka abrange mais de 65 mil trabalhadores

Os trabalhadores da Biedronka vão ter aumento de salário a partir de 17 de janeiro

Os trabalhadores da Biedronka, retalhista polaca da Jerónimo Martins, vão ver um aumento dos salários a partir de 17 de janeiro do próximo ano. No total, serão abrangidos mais de 65 mil trabalhadores, explica a empresa em comunicado.
O aumento será entre 650 e 900 zlotys brutos (cerca de 150 a 207 euros) para posições a tempo inteiro e custará à empresa 600 milhões de zlotys (cerca de 138 milhões de euros), detalha.

Novos salários para diferentes cargos

Com esta subida, um operador de caixa que comece a trabalhar na empresa ganhará um ordenado bruto entre 4.700 e 5.050 zlotys (entre 1.083 e 1.163 euros). “Se tiver mais de três anos de experiência, o ordenado será entre 4.850 e 5.300 zlotys”, exemplifica. No caso de um gestor de loja, o ordenado mínimo bruto será de 6.700 zlotys.

Bónus relacionados com objetivos de vendas e armazéns

“Os trabalhadores podem também contar com bónus relacionados com objetivos de vendas e de armazéns, vendo um aumento no salário real”, explica.

MAIS:  Bitcoin (BTC) se aproxima de US$ 38 mil enquanto surge novo recorde de fornecimento em circulação

Aumentos anuais da Biedronka

Já no final do ano passado, a Biedronka anunciou aumentos entre os 500 e 700 zlotys (106 e 150 euros), o que representou um crescimento face à subida de 2021.

 

Artigo anteriorVodafone Itália valorizada em 10,45 mil milhões de euros e proposta de fusão com a Iliad
Próximo artigoO FMI – FED, BCE e BoE mantiveram as taxas inalteradas