Início Atualidade Vulnerabilidade afeta milhões de carteiras de criptomoedas e bilhões em ativos cripto

Vulnerabilidade afeta milhões de carteiras de criptomoedas e bilhões em ativos cripto

O Bitcoin atinge a marca de 35 mil dólares. É a primeira vez em 17 meses.

AMEAÇA DE SEGURANÇA CIBERNÉTICA RANDSTORM AFETA MILHÕES DE CARTEIRAS DE CRIPTOMOEDAS

Uma equipe de especialistas em segurança de blockchain descobriu uma nova vulnerabilidade chamada “Randstorm”, que afeta milhões de carteiras cripto geradas entre 2011 e 2015. A vulnerabilidade pode afetar bilhões de dólares em ativos cripto.

A empresa de segurança cibernética Unciphered divulgou informações sobre a vulnerabilidade, alertando que afeta carteiras geradas por navegadores da web, como BitcoinJS e projetos derivados. Além do Bitcoin, outras criptomoedas como Dogecoin, Litecoin e Zcash também podem ser afetadas.

A Unciphered já emitiu um alerta para milhões de usuários afetados pela vulnerabilidade. A empresa recomenda que os usuários transfiram seus ativos para carteiras geradas mais recentemente, a fim de evitar possíveis roubos.

Embora nem todas as carteiras sejam igualmente afetadas, a vulnerabilidade é explorável. A empresa não forneceu detalhes sobre como a vulnerabilidade pode ser explorada para evitar que informações caiam nas mãos de hackers.

Esta descoberta destaca a importância da segurança cibernética no espaço das criptomoedas e a necessidade contínua de atualizar as carteiras para proteger os ativos dos usuários.

MAIS:  Ocidente em perigo devido ao coletivismo
Artigo anteriorA venda de lotes para fins públicos de construção está isenta de IRS e IRC
Próximo artigoAbanca adquire a totalidade do EuroBic