Início Atualidade Proposta de aumento do Imposto Único de Circulação impulsiona anúncios de venda...

Proposta de aumento do Imposto Único de Circulação impulsiona anúncios de venda de carros antigos em Portugal

Circulação

Aumento de anúncios de venda de carros usados em Portugal antes do agravamento do IUC

A plataforma Custo Justo registou um aumento de 13% nos anúncios de venda de carros usados com matrícula anterior a julho de 2007 após ser conhecida a intenção do Governo de aumentar o Imposto Único de Circulação (IUC). A variação ocorreu entre os períodos de 29 de setembro a 9 de outubro e 10 a 24 de outubro.

Proposta de agravamento do IUC entregue na Assembleia da República

A proposta do Orçamento do Estado para 2024, que prevê o agravamento do IUC para os veículos da categoria A matriculados antes de julho de 2007 e motociclos, foi entregue no dia 10 de outubro na Assembleia da República.

Aumento de anúncios na plataforma Custo Justo

A medida proposta pelo Governo gerou um aumento excecional do número de anúncios de venda de carros usados com matrícula anterior a julho de 2007 na plataforma Custo Justo. A plataforma possui cerca de 2 milhões de anúncios ativos e recebe cerca de 4 milhões de visitas mensais. O diretor-geral do Custo Justo, Pedro Furtado, afirma que os dados recolhidos apontam para uma tendência recente no mercado automóvel devido ao previsível aumento do IUC a partir do próximo ano.

MAIS:  Recuperação das ações americanas: é hora de olhar para além das gigantes de tecnologia?

Marcas de carros com maior aumento de anúncios

Segundo os dados recolhidos na plataforma Custo Justo, as marcas que registaram o maior aumento de anúncios de venda de carros com matrícula anterior a julho de 2007 foram Citroën, Mercedes-Benz, Audi e Toyota.

Reforma ambiental do IUC motiva petição e protestos

A proposta de reforma ambiental do IUC para o próximo ano motivou a criação de uma petição com quase 400 mil assinaturas e uma série de protestos por todo o país. A petição já ultrapassou o número necessário de assinaturas para ser levada a debate no Parlamento.

Sobre a plataforma Custo Justo

O Custo Justo é uma plataforma eletrónica de classificados lançada em 2008 pelo grupo norueguês Schibsted Media. Além de Portugal, a plataforma está presente em Espanha, França e Itália. Em julho deste ano, o gestor Pedro Furtado adquiriu a totalidade do capital da empresa Custo Justo.

Artigo anteriorA AICEP está sendo alvo de investigações no negócio do lítio em Portugal
Próximo artigoMuito elevadas – Os Ordinais aumentam as taxas de transação do Bitcoin para uma nova máxima de 5 meses