Início Atualidade Bolsa de Lisboa encerra em queda com Mota-Engil como maior perda

Bolsa de Lisboa encerra em queda com Mota-Engil como maior perda

BOLSA DE LISBOA TERMINA EM QUEDA, COM MOTA-ENGIL SENDO A MAIOR PERDA

A bolsa de Lisboa encerrou em queda, contrariando o desempenho positivo na maioria das bolsas europeias. O índice PSI recuou 1,12%, atingindo os 6.112,79 pontos. Entre as empresas listadas, apenas a Galp registrou ganhos, enquanto a REN e Greenvolt permaneceram inalteradas e as demais tiveram resultados negativos.

A principal queda do dia foi da Mota-Engil, que teve uma baixa de 3,42%, chegando a 5,09 euros. Esse movimento pode estar relacionado à realização de lucros por parte dos investidores, após os fortes ganhos recentes da empresa na bolsa.

As ações do grupo EDP continuaram pressionando o índice nacional. A empresa-mãe teve uma queda de 2,48% para 3,808 euros, enquanto o braço verde cedeu 1,71%, fechando em 14,05 euros. Ambas as empresas estão nos valores mais baixos desde o final de outubro.

Entre as principais empresas de peso, além do grupo liderado por Miguel Stilwell, o BCP teve uma perda de 1,58% para 0,2551 euros, enquanto a Jerónimo Martins recuou 1,27%, encerrando o dia em 21,76 euros.

MAIS:  Entregas de aeronaves comerciais pela Airbus aumentam em 2023

Em contrapartida, a Galp avançou 0,46%, alcançando 14,195 euros, impulsionada pelo aumento de mais de 2% nos preços do petróleo.

Artigo anteriorFundo da KKR reduz o pagamento de dividendos. Enfrenta prejuízos com hipotecas problemáticas
Próximo artigoMedidas de resposta à seca aprovadas pelo Conselho de Ministros no Algarve