Início Atualidade Lisboa encerra em alta mesmo com a família EDP atingindo mínimos de...

Lisboa encerra em alta mesmo com a família EDP atingindo mínimos de outubro

A família EDP derruba a bolsa de Lisboa

BOLSA PORTUGUESA ENCERRA EM ALTA, GALP LIDERA GANHOS

A bolsa portuguesa encerrou em alta esta terça-feira, acompanhando – embora de forma mais ténue – o desempenho das principais praças da Europa Ocidental. O PSI avançou 0,21%, para os 6.236,62 pontos, com 10 cotadas em alta, cinco em queda e uma – a Greenvolt – inalterada.

GALP LIDERA GANHOS NA BOLSA PORTUGUESA

A Galp liderou os ganhos na praça lisboeta ao subir 2,16%, em linha com o setor na Europa, para os 14,435 euros. No pódio diário surgem também as cotadas do setor da pasta de papel. A Navigator avançou 1,29%, para os 3,774 euros, enquanto a Altri subiu 1,08%, fechando a valer 4,504 euros.

BCP E JERÓNIMO MARTINS REGISTRAM GANHOS E PERDAS

Entre os pesos pesados, o BCP valorizou 0,39%, para os 0,2597 euros, num dia de ganhos na banca europeia, enquanto a Jerónimo Martins deslizou 0,18%, fechando nos 22,52 euros.

FAMÍLIA EDP TRAVA ÍNDICE NACIONAL

Mas foi a família EDP quem mais travou o índice nacional. A EDP caiu 2,38%, para os 3,936 euros, enquanto a EDP Renováveis perdeu 1,33%, terminando a sessão nos 14,42 euros. Ambas as cotadas fixaram mínimos de fecho desde outubro do ano passado, num dia em que as “utilities” perderam terreno nos mercados europeus.

MAIS:  Mediobanca baixa recomendação de desempenho de ações, mas preço-alvo é aumentado
Artigo anteriorMcdonald’s regista aumento do lucro em 2023 e espera ano desafiador
Próximo artigoSpotify atinge mais de 600 milhões de utilizadores ativos mensais em 2023